.: Loucos Pelo Botafogo - Região dos Lagos :.

Home Colunistas O Pinião botafoguense: De novo, Botafogo?

O Pinião botafoguense: De novo, Botafogo?

E-mail Imprimir PDF

 

 O Pinião botafoguense: De novo, Botafogo?
 
Depois do jogo com o São Paulo no Nilton Santos, quando sofremos uma inacreditável virada nos últimos minutos, mais uma vez presenciamos esse dissabor, dessa vez contra o Vitória, também no Nilton Santos.
 
 O alvinegro vencia por 2x1 até aos 44 minutos da etapa final, quando sofreu o empate e o pior veio aos 50, quando levamos a virada. Alguns jogadores, como Luis Ricardo, Pimpão e Marcos Vinícius, deixaram muito a desejar, principalmente o lateral direito. Léo Valencia substituiu Marcos Vinícius e com um minuto em campo o chileno deu grande assistência para Gilson, na jogada que gerou o pênalti, mas depois disso não produziu mais nada. Outro fator importante, que pode ter influenciado na derrota, foi a saída de Carli, contundido. O zagueiro estava bem no jogo e os gols da virada baiana saíram exatamente pelo seu setor, mas o argentino, infelizmente, não estava mais no jogo. Permanecemos momentaneamente na 6ª posição, mas dependemos do resultado da partida de segunda-feira, para saber em qual posição terminaremos a rodada 26.
 
 O Botafogo iniciou com mais posse, mas sem achar espaços na defesa adversária. Aos 14, em contra-ataque nascido após passe errado no ataque, a equipe baiana abriu o placar. Em outro contra-ataque aos 22, Gatito evitou o 2º gol. A seguir chegamos pela primeira vez, com Pimpão cabeceando por cima. Aos 25, em cobrança de falta de João Paulo, Brenner empatou a partida. Empolgada, nossa equipe quase desempatou aos 33, em conclusão de Bruno Silva.
 
 O Glorioso voltou para o 2º tempo com Gilson na vaga de Victor Luis, já que o titular sentiu-se mal no intervalo. A equipe baiana tentou voltar um pouco mais a frente e nos assustou aos 9, em bola na trave, após passe errado nosso no meio de campo.
 
 O treinador alvinegro sacou Marcos Vinícius, que não produzia, colocando Léo Valencia em seu lugar. Aos 12, um minuto após entrar em campo, o chileno deu excelente passe para Gilson, que sofreu pênalti. Brenner cobrou aos 15 e virou o placar para o Glorioso.
 
 Aos 19 a história do jogo começou a mudar, quando Joel Carli, ao interceptar um lance, trombou com Luis Ricardo e precisou ser substituído, entrando Marcelo em seu lugar. Após a saída do zagueiro argentino, a equipe adversária começou a apertar e chegou com perigo em chute aos 25 e em conclusão de cabeça aos 27. Aos 38, em contra-ataque perigoso, Gilson interceptou a jogada.
 
 O Botafogo não criava jogadas ofensivas e acabou sofrendo o empate aos 44, em jogada de escanteio. Aos 46, Léo Valencia recebeu cartão vermelho direto, ao atingir um adversário, logo depois de sofrer falta dura. Se o empate já estava ruim, pior ainda foi sofrer o terceiro gol aos 50, em chute forte de dentro da área.  
 
Lances do Jogo
 
1º tempo
 
- 14 min: Luis Ricardo errou um passe no campo de ataque, a equipe baiana contra-atacou em velocidade, um atacante avançou, chutou na saída de Gatito, a bola bateu na trave e sobrou para outro jogador adversário empurrar para as redes: 0x1;
- 22 min: em outro contra-ataque da equipe baiana, um atacante invadiu a área, tentou dar uma cavadinha, mas Gatito se esticou e fez grande defesa;
- 22 min: Luis Ricardo cruzou da direita, mas Pimpão cabeceou por cima;
- 25 min: João Paulo cobrou falta da meia esquerda, Pimpão raspou de cabeça e a bola ficou limpa para Brenner concluir e empatar: 1x1;
- 33 min: Victor Luis puxou contra-ataque, cruzou, o goleiro cortou, se antecipando a Pimpão, a bola sobrou para Bruno Silva chutar de primeira, com perigo, mas para fora.
 
2º tempo
 
- 9 min: Pimpão errou passe no meio de campo, um adversário avançou, chutou de fora da área e acertou a trave de Gatito;
- 12 min: Léo Valencia deu excelente passe para Gilson na área, que foi derrubado pelo goleiro e o juiz, somente depois de ser avisado pelo auxiliar, marcou o pênalti claríssimo;
- 15 min: Brenner cobrou a penalidade e desempatou: 2x1 Botafogo;
- 25 min: em chute de um jogador adversário da entrada da área, a bola foi para fora, com perigo;
- 27 min: após cruzamento da direita, um jogador baiano cabeceou perto da meta de Gatito;
- 38 min: a equipe baiana contra-atacou em velocidade, mas Gilson conseguiu se antecipar e recuperar a bola, evitando o perigo;
- 44 min: após escanteio cobrado da esquerda, um atacante subiu e cabeceou com força para as redes, empatando a partida: 2x2;
- 50 min: a bola foi na nossa área, um jogador baiano ganhou da marcação, ajeitou e chutou com força, à queima roupa: 2x3.
 
Cartões
 
 Amarelo para Léo Valencia e Gatito.
 Vermelho direto para Léo Valencia.
 
Escalação/substituições
 
 Gatito, Luis Ricardo, Joel Carli (Marcelo), Igor Rabello e Victor Luis (Gilson); Lindoso, Bruno Silva, João Paulo e Marcos Vinícius (Léo Valencia); Pimpão e Brenner.
 
 Saudações alvinegras.
 
Share
 

Joomla inotur picma